Um homem que já foi identificado pela Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste (RO), poderá responder na justiça por escarnecer publicamente fieis em igrejas durante horários de cultos, que ele vem invadindo armado e provocando pânico.

Conforme o jornal Correio Central, o homem já teria invadido igrejas em ao menos três setores do município, se dizendo o último cavaleiro do Apocalipse.

Os pastores das igrejas invadidas contaram para a polícia, que o homem é trabalhador e teria inclusive, família. “Não se sabe o que de fato estaria acontecendo com ele. Somente as autoridades em medicina poderão identificar e diagnosticar que tipo de transtorno este homem vem sofrendo, para invadir templos e ameaçar pessoas”, disse um fiel.

Informações confirmam que o homem teria invadido igrejas no Jardim Aeroporto, Jardim Novo Horizonte e próximo da Rodoviária. A Polícia Civil disse que o homem poderá ser enquadrado na Lei 2848/1940, artigo 208 – Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena – detenção, de um mês a um ano, ou multa.