Linhas de pipas com cerol deixam usuários sem internet

Rompimento aconteceu no cruzamento da rua JK com Avenida Novo Estado, no bairro Cunha e Silva.

É preciso observar que na cidade incorre diversos riscos empinar pipas, por causa das redes de transmissão, especialmente elétrica.

A empresa Uzzy Telecom de Presidente Médici (RO), Região Central, vem sofrendo com a falta de responsabilidade de algumas pessoas, que empinam pipas com linhas cortantes e tem prejudicado o fornecimento de internet via fibra óptica no município.

A Uzzy sofreu ao menos duas interrupções nesta semana, sendo uma no domingo, dia 09 e a outra nesta quarta-feira, dia 12 de fevereiro, quando cabos de transmissão deixaram usuários sem internet e a constatação novamente, foi que as famosas linhas chilenas, que tem poder cortante quatro vezes maior que as linhas com cerol [vidro moído com cola de madeira], seriam as responsáveis pelo rompimento dos cabos, que tem espessura de dois centímetros.

A reclamação foi grande e registros feitos por populares e profissionais, mostram restos de pipas que caíram sobre postes, linhas de transmissões elétricas, telefônicas e internet, todas prejudicados por causa das linhas chilenas.

Em Rondônia, o ex-governador Ivo Cassol é o autor da Lei1391, de 15 de setembro de 2004, que proíbe a comercialização e o uso de cerol.

Também fica bem claro no parágrafo único da Art. 1º, que, “Entende-se por cerol o produto originário da mistura de cola de madeira e vidro moído.”

E no Art. 2º, “Em caso de acidente com linhas que contenham o cerol ou outro material danoso, e identificado o responsável pelo uso do material proibido, a ele será aplicado multa de cem UFIRs (Unidade Fiscal de Referência), sem prejuízo de outras sanções cabíveis em conformidade com a legislação em vigor.

Concluindo também por parágrafo único no Art. 2º onde “Sendo o identificado menor de idade, a multa será aplicada ao seu responsável legal”, a lei é bem clara tanto para quem empina as pipas com linhas contendo cerol, como para quem comercializa.

Clique e tenha acesso a Lei 1391, de 15 de setembro de 2004, que proíbe a comercialização e o uso de cerol.